Artigos

"Cresce eleitorado brasileiro"
10/05/2008 | Mauro Lima Wu - 10/05/2008

O número de eleitores, de janeiro a dezembro de 2007 cresceu nas cinco regiões do país, passando de 125.988.820 para 127.464.143 eleitores, de acordo com levantamento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Esse contingente eleitoral está distribuído assim: sudeste, 55.718.468; nordeste, 34.377.377; sul, 19.253.565; norte, 9.035.904 e centro-oeste, 8.974.164 eleitores. Percentualmente, o sudeste ocupa a liderança com 43% do total; o nordeste, 26%; o sul, 16%; o norte, 8% e o centro-oeste, 7%. No nordeste, registrou-se o menor crescimento percentual: 0,73%.

O estudo revela, ainda, que o Estado de São Paulo teve um crescimento de 1,5%, passando de 13.670.781 para 13.762.441 eleitores. Para o pleito municipal de outubro próximo, São Paulo deverá eleger 645 prefeitos e cerca de 6.000 vereadores, totalizando 6.645 candidatos para os cargos municipais.

Para a Capital, são pré-candidatos o senador Romeu Tuma (PTB) e os deputados federais Paulo Pereira da Silva (PDT), Luiz Erundina (PSB), Aldo Rabelo (PC do B), Ricardo Izar (PTB), Celso Russomano e Paulo Maluf, ambos do PP, Régis Oliveira (PSC) e Ivan Valente (PSOL). O PT ainda não definiu o seu pré-candidato e, dependendo das pesquisas é provável que Marta Suplicy seja a escolhida, tendo contra ela a frase relaxe e goze, no auge da crise aérea; os eleitores não esquecem. Na situação não existe, ainda, um consenso pela re-eleição do prefeito Gilberto Kassab (DEM) ou a candidatura do ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB).

O Rio de Janeiro, também registrou um crescimento de 1,3%. O eleitorado carioca passou de 10.886.936 para 11.029.831 eleitores. São pré-candidatos o senador Marcelo Crivela (PRB) e os deputados federais Marcelo Itagiba (PMDB), Fernando Gabeira (PV), Felipe Pereira (PSC) e Chico Alencar (PSOL). No Rio, o PT ainda não definiu o seu pré-candidato. Está em compasso de espera.

Em Belo Horizonte, a direção do PT não aceita a aliança entre o governador Aécio Neves (PSDB) e o prefeito Fernando Pimentel (PT), apesar do “nada a opor” do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Para não trombar com o presidente, a direção do partido vai proibir coligações com o DEM, PSDB e PPS. O candidato da aliança PSDB-PT, em Belo Horizonte, é Márcio Lacerda (PSB) e secretário do governo Aécio Neves com o apoio do deputado Ciro Gomes.

Para as eleições municipais de outubro, 127 deputados federais e 3 senadores são pré-candidatos; Romeu Tuma, em São Paulo, Marcelo Crivela, no Rio de Janeiro e Patrícia Sabóia, em Fortaleza. Desse total, entre 60 e 70, devem disputar as eleições.

Na região, já anunciaram a disposição efetiva de concorrer: Francisco Rossi (PTB) em Osasco e, Silvio Pecciolli (DEM), em Santana de Parnaíba.

Para os parlamentares pré-candidatos às eleições municipais de outubro próximo, se não forem eleitos, ocuparam o espaço na mídia, firmaram seus nomes junto à base para consolidar o retorno ao Congresso e, de alguma forma, influir na sucessão presidencial de 2010.

Mauro Lima Wu – jornalista e diretor do IBRADEP – Gestão da Comunicação

Próximos cursos

Nesse momento, não temos nenhum curso com inscrições abertas.

IBRADEP

Alameda São Carlos, 223 - Residencial IV - Alphaville
CEP 06542-040 - Santana de Parnaíba - SP
CNPJ 07.933.635/0001-90 | Inscrição Municipal 56.822 | SICAF 1321052
Tel. (11) 4153-6436
ibradep@ibradep.com.br | www.ibradep.com.br

Faça seu evento com o IBRADEP

Desenvolvido por Prodweb